O futuro do plástico (parte II): Cidadania e ação coletiva

  • O futuro do plástico (parte II): Cidadania e ação coletiva

A reflexão do texto anterior, apesar de lúcida, corre o perigo de nos levar a um certo imobilismo, ‘se como indivíduo minha possibilidade de ação é tão pequena, então talvez não seja possível fazer nada’, dizem os mais pessimistas.

Essa postura é consequência do fato de nos pensarmos somente enquanto consumidores, que têm seu potencial de resistência reduzido somente a consumir ou não consumir. O caminho para sair dessa encruzilhada é nos considerarmos enquanto cidadãos, com o potencial de participar e impulsionar ações de cunho coletivo.

É exercendo nossos direitos enquanto cidadãos, através do voto, da mobilização civil e da participação política que encontramos possibilidade de ter alguma influência, seja para pressionar governos a aplicarem devidamente a legislação ambiental, seja para criar novas leis que favoreçam modelos de negócio verdadeiramente ecológicos.

Cidadania e Ação Coletiva

Se o que desejamos é ter um impacto efetivo na construção de um futuro ecologicamente viável, não bastará eliminar os resíduos plásticos do nosso dia a dia. É preciso que nossa consciência a respeito do problema nos leve a pressionar políticos, governos e empresas por políticas públicas que impliquem em práticas verdadeiramente ecológicas, reduzindo a emissão de resíduos plásticos e outros tipos de elementos poluentes.

Historicamente o exercício da cidadania sempre esteve relacionado à luta pela conquista de direitos. Foi assim com os direitos políticos, civis e trabalhistas, e, certamente, não será diferente com relação àquilo que podemos chamar de direitos ecológicos. Um mundo mais justo e equilibrado ambientalmente não nascerá como decorrência da benevolência das grandes empresas ou governantes, mas sim como uma consequência de lutas e disputas protagonizadas pela sociedade civil organizada, como ocorre com movimentos sociais.
.
O que a Prema faz

Desde o início temos como horizonte sermos uma marca que se orienta por um sentido maior, envolvido com o cuidado efetivamente natural e com a possibilidade de disponibilizar às pessoas hábitos viáveis para um futuro possível.
Nesse sentido trabalhamos com embalagens e envios livres de plástico, priorizando produtos sólidos multifuncionais e super eficientes. Além disso, fazemos o esforço de buscar matérias primas provenientes de cultivo agroecológico e manejo florestal sustentável, apoiando a luta dos povos indígenas e ribeirinhos, além de fortalecer a economia da floresta em pé.
.
Foi buscando realizar essas ações ecológicas enquanto uma marca pequena que fomos percebendo o quanto o mercado está atualmente todo organizado de forma a dar pouca atenção à questão ambiental. Aqueles que desejam ir contra essa tendência encontram muita resistência e pouco apoio. Trabalhar com rótulos livres de plástico ou utilizar matérias primas derivadas de um cultivo mais consciente muitas vezes pode implicar em um custo bem mais elevado do que aquele resultante de cadeias produtivas menos atentas.

Um de nossos maiores desafios foi e continua sendo oferecer o produto mais ecológico possível, com um preço que fique acessível e competitivo. O problema reside justamente nessa competitividade, tendo em vista que a legislação regulatória e o mercado de matérias primas funciona muitas vezes para atender a demanda de grandes empresas, desprivilegiando pequenos empreendimentos inovadores.

Apesar dessas dificuldades uma questão que nos move é perceber que a conscientização à respeito dos hábitos e a mudança dos mesmos, ainda que insuficiente para a mudança que precisamos, pode ser uma porta de entrada para um despertar mais profundo, que é justamente esse que reside em perceber que se desejamos um planeta saudável para nós e para as futuras gerações precisamos de ações coletivas que criem essa possibilidade.

Buscando oferecer a nossos clientes e apoiadores uma forma de estar mais sintonizado às pautas ambientais que permeiam nossa coletividade, estamos agora também lançando uma novidade. Em nossa newsletter, enviada mensalmente, vamos passar a divulgar informações e notícias importantes para as questões do meio ambiente e ecologia. Assim podemos ajudar nossos apoiadores a terem uma visão mais ampla daquilo que se encontra atualmente em pauta, dando uma maior possibilidade para que possamos nos engajar, não somente enquanto consumidores, mas, principalmente, enquanto cidadãos.

Referências

Revisitando o conceito de cidadania: https://www.scielo.br/j/tes/a/NDQS5cbY3MCcyZvptYf6c6z/?lang=pt   

Comentários

Gostou? Classifique!

Escrever comentário

Não use tags HTML!

Newsletter

×
Cadastre-se para receber nossa newsletter e receba em seu e-mail promoções, cupons de desconto exclusivos, notícias sobre ecologia e novidades!

* E-mail:

* Nome: